7 fatos curiosos sobre o horário de verão

Se você mora nas regiões Sul, Sudeste ou Centro-Oeste do país sabe exatamente do que vamos falar. Todo ano é a mesma coisa. Lá por outubro, uma força superior determina que temos que mudar toda a nossa rotina, atrasando em uma hora os nossos relógios. É o tão odiado por alguns – ou amado por outros – horário de verão. Nessa lista, conheceremos 7 fatos curiosos sobre essa mudança de horário.
Fonte: Mundo Estranho
7 – Ele foi criado por um Pai Fundador

Você até pode achar que essa ideia de mudança de horário veio do além, mas não é nada disso. Quem implementou pela primeira vez um horário alternativo foi Benjamim Franklin. Ele percebeu, durante uma viagem a Paris, em 1784, que as pessoas acendiam velas para ficarem acordadas até mais tarde, mas não acordavam assim que o sol nascia. Com o novo horário, as pessoas poderiam aproveitar mais a luz do dia e economizariam em velas. A ideia ficou mais séria quando a primeira Guerra Mundial estourou. O objetivo era economizar energia para ajudar as tropas americanas.



6 – Seu corpo também é afetado

O nosso corpo, e as funções que ele exerce, estão sincronizados com o horário do relógio. Por exemplo, você já reparou que a fome começa a pintar por volta do meio-dia? Então é natural que ele também sofra com a mudança de horário. Aquela horinha que perdemos mexe com o tempo que temos para dormir. E essa alteração pode se refletir em mau humor, variações nos níveis hormonais, preguiça e falta de atenção.



5 – O número de acidentes aumenta e diminui

Calma que eu explico! Uma pesquisa da Universidade da Columbia Britânica constatou um aumento de até 17% no número de acidentes de trânsito na primeira segunda depois da mudança de horário. Por outro lado, as pessoas tendem a dirigir com mais cuidado quando está claro. Segundo pesquisa do Jornal de Prevenção e Análise de acidentes, o horário de verão evita 195 mortes de passageiros e motoristas e 171 mortes de pedestres anualmente.

4 – Economizamos energia

Ninguém fica com a luz de casa acesa quando ainda está claro.
O Horário de Verão causa uma economia de até 5% no consumo de energia elétrica. Pode parecer pouco, mas isso equivale a 50 milhões de reais que não saem dos cofres públicos. Vendo por esse lado, a mudança de horário não parece tão ruim, não é mesmo?!



3 – Ele já evitou um atentado

Em setembro de 1999, a Cisjordânia estava usando o horário de verão e a sua vizinha Israel, não. Terroristas do lado árabe prepararam bombas que seriam detonadas no lado israelense da fronteira. Só que, para a sorte dos israelenses, as bombas, que estavam programadas para estourar no horário da Cisjordânia, estouraram uma hora mais cedo do que o planejado. O resultado foi três terroristas mortos ao invés de dois ônibus lotados.

2 – As crianças ficam mais na rua

Ok, o Halloween não é tão popular aqui no Brasil, mas mesmo assim, esse dado é curioso: o número crianças mortas por atropelamento é quatro vezes maior na noite de 31 de outubro. Para tentar diminuir essa estatística, uma lei aprovada em 2007, aumentava o tempo de duração do horário de verão nos Estados Unidos até o primeiro domingo de novembro. Com mais luz do sol, os motoristas enxergam melhor os monstrinhos sedentos por açúcar e tomam mais cuidado ao volante.


1 – É mais seguro andar nas ruas

Não preciso nem dizer que ladrões preferem atacar quando está escuro, né? Aquele Sol extra deixa a caminhada ou a volta do trabalho/escola bem mais segura.

João Filho

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.